terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Plenitude é o que somos...

Plenitude é o que nós somos!
Mas não sabemos...
Sofremos de uma ignorância espiritual.
E por isso, sofremos.
Todos sofremos.
Sofremos por falta,
por medo, por solidão.
Sofremos de um buraco na alma
que é igual em todos nós.
Cada um com a sua dor,
com suas alegrias,
"cada um sabe a dor e a delícia
de ser o que é"...
Mas todos sofremos por achar
que algo está sempre faltando...
A boa notícia é:
nada está faltando!!!
Tudo está perfeitamente bem!
A ordem que rege o universo
rege a gente também
e é absolutamente perfeita!
Tudo é do jeito que deve ser!
Simples assim...
Se a gente se entregar e confiar,
e não julgar e receber
e aprender e respeitar
se formos menos arrogantes
e mais gentis,
se escutarmos mais
o nosso silêncio,
nossa intuição
se ao invés de tertarmos guiar, controlar a vida,
nos deixarmos ser guiados por ela,
por esta ordem,
que é perfeita...
Somos plenitude.
Somos amor.
Somos completos!
Lá fora não tem nada que vá nos completar
ou nos fazer mais felizes,
simplesmente porque já somos felicidade!!!
A gente não se torna aquilo que já é...
Se pararmos de buscar fora
aquilo que só encontraremos lá dentro,
viveremos em paz
e isso é tudo o que a gente quer...
Simples assim...
Namaste...

3 comentários:

  1. Lindo!!

    "Entrego, confio, aceito e agrdeço..."

    Beijos, namastê!

    ResponderExcluir
  2. Muito bonito! Não podemos esquecer que somos essencialmente felicidade. Namastê!

    ResponderExcluir